O conto das borboletas

"Elizabeth, toda forma de vida deve ser preservada, seja humana ou não" - essas foram suas ultimas palavras enquanto afagava delicadamente a grama, eu consigo me lembrar perfeitamente de seu olhar doce indo embora junto ao sorriso mais sincero que já conheci em toda a minha vida, suas mãos quentes se tornando frias enquanto minhas lágrimas pingavam na grama, a chuva gélida batendo sobre seu corpo frio e arrancando de mim um grito de dor. Agora eu estava sozinha e não teria mais escolhas, minha mãe era minha família e toda a percepção de mundo que tenho veio dela, em seus olhos o mundo era belo e o mal nunca existiu e hoje eu sei que tudo o que conheci não passou de uma mentira.
Classificação Livre
Poesia Romance
Queen the Vampire

Sinopse

Notas adicionais

Autor
Queen the Vampire


Classificação Livre
Tags: Poesia Romance
Livro concluído
Publicado em 9 de jan. de 2019 16:39
Atualizado em 9 de jan. de 2019 16:39
1.508 palavras

Nada para exibir