Rita

Conclusão


Voltando no tempo...

Trêmulo João apontou o revólver para a direção de Rita.

— Sabe o que faz, garoto? Já mexeu em arma antes?

— Cala a boca! Cala a boca! Cala a boca!

Rita apontou a pistola para a direção do menino. O momento era de puxar o gatilho e matar o segundo alvo. Passou meses preparando o plano perfeito.

Sepúlveda, num esforço a mais, pulou para cima dela mesmo muito ferido. Por causa da sua altura e peso foi fácil derrubá-la e impedi-la de atirar em João.

Não quer ver anúncios?

Com uma contribuição de R$29,90 você deixa de ver anúncios no +Fiction e em seu antecessor, o Nyah, durante 1 ano!

Seu apoio é fundamental. Torne-se um herói!

Outro carro da polícia parou em frente à casa. Rita foi presa.